Lenda das Sete Irmãs

Mapa lenda das 7 irmãs

Lenda das Sete Irmãs, ou em Mirandês, Las Sîete Armanas:

Corre voz em todo o distrito de Bragança e em algumas terras fronteiriças espanholas que os sete santuários marianos mais altos do distrito são habitação das Sete Senhoras irmãs*.

A lenda diz que, os santuários avistam-se todos uns dos outros, assim o povo diz que as Senhoras se vêem umas às outras, e que se falam todas as manhãs. Chamam-lhes as Sete Irmãs. Uma, pertence ao concelho de Bragança, Senhora da Serra (Serra de Nogueira); duas pertencem ao concelho de Miranda do Douro: a Senhora da Luz (Constantim), e a Senhora do Naso, uma ao concelho de Vinhais, Senhora da Saúde de Vale de Janeiro; uma ao concelho de Vila Flor, Senhora da Assunção (Vilas Boas); uma no concelho de Alfândega da Fé, Senhora das Neves.

A sétima irmã encontra-se em Prenha, Espanha, província de Salamanca, em frente a Peredo de Bemposta. É a Birge del Castielho.

O povo refere que foi encontrada por espanhóis ou mouros nas arribas do Douro, dentro de um seixo, que a levaram para a povoação e a colocaram virada para Espanha. A lenda diz ainda que cada vez que a viravam para Espanha, a Virgem se voltava para Portugal.

*Padre Dr. António Mourinho em Nossa Alma I Nossa Tierra – Las Sîete Armanas

Origem da lenda das sete irmãs